AM 1120 SJP

participe via
whatsapp

4130581120
Rádio Mais > Consultório médico
Saiba o que é a trombose e o que pode causá-la 17 de maio de 2022 - 11:23

(Foto: Canva)

Uma em cada quatro pessoas no mundo morre por condições causadas por trombose, segundo a Sociedade Internacional de Trombose e Hemostasia. A trombose é causada por um coágulo sanguíneo que pode bloquear ou prejudicar o fluxo de sangue na região em que está e até se soltar e se mover para um órgão. Apesar da gravidade, muitas pessoas desconhecem as principais causas, sintomas e maneiras de prevenção. Sobre o assunto a jornalista Tete Motta conversou com a angiologista e cirurgiã vascular do Hospital VITA Dra. Patricia Jorge Bittencourt que fala das causas da trombose e os cuidados para evitar a doença.
TIPOS DE TROMBOSE

Trombose venosa - é o tipo mais comum. Acontece quando o coágulo de sangue bloqueia uma veia. Estima-se que cerca de 180 mil novos casos de trombose venosa surgem no Brasil a cada ano, sendo que ela também pode causar embolia pulmonar.

Trombose arterial - ocorre quando o coágulo de sangue bloqueia uma artéria. Acidentes vasculares cerebrais  (AVCs) e infartos  podem ser consequências de tromboses arteriais. Esta trombose costuma ser mais grave do que a venosa.

SINAIS E SINTOMAS DE TROMBOSE
Apesar de não apresentar sintomas em alguns casos, às vezes a trombose pode ser identificada. É importante prestar atenção aos possíveis sinais e sintomas para procurar ajuda médica o mais rápido possível. Quanto mais cedo a trombose for tratada, melhores são os prognósticos do paciente. Então, fique atento se você ou alguém próximo apresentar algum dos seguintes sinais e sintomas:
  • Inchaço na região em que se formou o coágulo;
  • Vermelhidão e calor no local afetado;
  • Dor ou sensação de peso;
  • Rigidez da musculatura.

A trombose arterial também pode apresentar os seguintes sinais e sintomas:
  • Dor no peito;
  • Fraqueza em um lado do corpo;
  • Mudança repentina do estado mental.
Fatores de risco que aumentam chance de trombose: 
  • Predisposição genética;
  • Gravidez;
  • Imobilidade provocada por prolongadas internações hospitalares;
  • Dificuldade de movimentação durante viagens longas  em aviões e ônibus;
  • Terapia de reposição hormonal;
  • Uso de anticoncepcionais ;
  • Varizes;
  • Cirurgias;
  • Tabagismo;
  • Hipertensão;
  • Colesterol alto;
  • Aterosclerose;
  • Diabetes.


Tags: Saúde Coagulação Trombose

Relacionados

Desenvolvido por: